SEST SENAT LAMENTA DECLARAÇÕES DO SECRETÁRIO DE POLÍTICA ECONÔMICA

Tais falas revelam total descolamento da realidade e desconhecimento do trabalho sério e comprometido com o interesse público realizado pelas instituições que compõem o Sistema S.

SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) vem a público lamentar as declarações do secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida. Tais falas revelam total descolamento da realidade e desconhecimento do trabalho sério e comprometido com o interesse público realizado pelas instituições que compõem o Sistema S. Ao propagar esse nível de desinformação, o secretário apresenta despreparo ímpar para ocupar um cargo de tamanha relevância.

O SEST SENAT, em quase três décadas de existência, sempre atuou, de maneira efetiva, para a inserção de jovens brasileiros no mercado de trabalho, a requalificação de profissionais do setor de transporte, e a promoção de transformações sociais nas comunidades que há unidades operacionais instaladas.

O desempenho e a qualidade de vida de milhões de trabalhadores do transporte estão diretamente ligados ao trabalho promovido pelo SEST SENAT. A instituição é responsável pela qualificação profissional de todos os trabalhadores do transporte no Brasil, como motoristas de ônibus, caminhoneiros e taxistas, entre outros. Só em 2020, mesmo com a inevitável queda na arrecadação provocada pela crise da covid-19, foram prestados 9 milhões atendimentos gratuitos.

Na educação profissional, são oferecidos todos os cursos obrigatórios para os profissionais do transporte e cerca 650 cursos de formação e de qualificação presenciais e a distância. Na área de saúde, o SEST SENAT oferece especialidades como fisioterapia, psicologia, nutrição e odontologia, áreas de maior demanda dos trabalhadores do transporte e onde o SUS pouco alcança. No ano passado, no auge da pandemia, o SEST SENAT trabalhou com novos modelos de negócio e passou a oferecer novos serviços, como atendimentos de saúde online e webaulas para dar respostas imediatas ao setor. Também oportuniza o acesso de jovens de baixa renda ao esporte, ao lazer e à cultura.

Hoje, são 157 unidades operacionais do SEST SENAT espalhadas por todo o país, garantindo aproximadamente 6 mil empregos diretos para atender, com excelência, 2,2 milhões profissionais empregados de 155 mil empresas transportadoras, além de seus familiares, em todo o Brasil. As unidades estão equipadas com tecnologia de ponta, como os simuladores de direção utilizados para o treinamento de motoristas de caminhão e de ônibus.

Além disso, o SEST SENAT pauta a sua atuação no compromisso com a ética e a transparência na gestão dos seus recursos. A instituição disponibiliza para a sociedade um Portal da Transparência, com informações institucionais, orçamentárias, financeiras, contábeis, sobre processos licitatórios e contratos, relatórios de gestão e de atividades da entidade em todo o Brasil.

Nesse sentido, “passar a faca” nos recursos do SEST SENAT representaria retirar a gratuidade de milhões de trabalhadores, principalmente dos caminhoneiros e seus familiares. Uma iniciativa dessa natureza prejudicaria sobremaneira a formação profissionalizante e a qualificação de mão de obra, o atendimento à saúde do trabalhador e o acesso ao desenvolvimento profissional e à qualidade de vida a milhões de pessoas de baixa renda.

O SEST SENAT está disposto a contribuir com o governo federal para buscar alternativas para a retomada da economia e a geração de emprego e renda. Também reafirmamos o compromisso de auxiliar no treinamento e na capacitação dos jovens entrantes no mercado de trabalho e na requalificação dos trabalhadores com idade superior a 55 anos. Para isso, contudo, não precisamos de declarações intempestivas e sem fundamentação técnica.

O que precisamos é de diálogo para estruturar soluções e respostas para a atual crise, sempre levando em consideração o trabalho sério e transformador realizado por milhares de profissionais para garantir qualificação e qualidade de vida aos trabalhadores do transporte de todo o Brasil.

Vander Costa

Presidente da CNT e dos Conselhos Nacionais do SEST e do SENAT

Fonte: Confederação Nacional do Transporte – CNT